Inicia a II Semana Popular de Teatro no Sergipe

Foto: MPA

Foto: MPA

Camponeses e camponesas do MPA, em especial a juventude, está sendo realizado em Poço Redondo a II Semana Popular de Teatro: “Na arte da Resistência Camponesa – Por nenhum direito a menos!”. A programação da semana está sendo intensa, possibilitando muita interação entre os diversos núcleos de teatro que nasceram em várias comunidades da Base do MPA nesses últimos períodos e a população. A Semana irá contemplar rodas de diálogo, oficinas, seminários e muitas apresentações teatrais. O palco das atividades da II Semana Popular de Teatro está sendo as escolas públicas, bairros e praças e conta com a participação de Caravana Nacional de Luta Camponesa do MPA ‘Clodomir de Morais’.

O palco da II Semana de Teatro Popular tem sido as escolas. Foto: MPA

O Palco da II Semana de Teatro Popular tem sido as escolas. Foto: MPA

A semana teve seu início ontem, 03 de agosto, com apresentações nas escolas, oportunizando a partir das peças a reflexão sobre a atual conjuntura. Em seguida teve um momento político com o secretário estadual de cultura e diversos grupos, onde foi pautado a maior valorização das expressões culturais do povo do sertão e inclusão das demandas da região no Plano Estadual de Cultura. As atividades da noite foram abertas com muita mística e animação da juventude ao fazer bonito cortejo pelas ruas da cidade até a Praça do Bairro São José que ficou lotada com um público lindo que superou o número de 300 pessoas que assistiram a apresentação de cinco peças teatrais com temas relacionados à conjuntura, produzidas pelos núcleos de teatro – a praça é lugar de arte, de cultura, de luta!

Toda hora é hora para as apresentações das peças de teatro. Foto: MPA

Toda hora é hora para as apresentações das peças de teatro. Foto: MPA

Hoje, 4 de agosto, está sendo realizado uma oficina de teatro, para jovens e adolescentes, e a noite vai ter mais espetáculos de teatro, e a semana popular de teatro se estende até amanhã, 5/08/2017, com muita animação, arte e luta popular.

Por Comunicação MPA